Grávida morre após ser baleada durante assalto em São José do DivinoGrávida morre após ser baleada durante assalto em São José do Divino

Uma jovem gestante de 20 anos, identificada como Maria Aparecida Fontenele, morreu na noite desta quarta-feira (21) após ser atingida por disparos de arma de fogo durante uma tentativa de assalto em São José do Divino, distante  230 Km da capital. O crime aconteceu no início da noite e chocou os moradores do município, que possui pouco mais de 5 mil habitantes.

De acordo com testemunhas, dois homens em uma motocicleta anunciaram o assalto em frente à residência da vítima, que teria reagido utilizando um cabo de vassoura. Os homens teriam efetuado disparos de arma de fogo contra a jovem, que não resistiu aos ferimentos e morreu no local.

O corpo de Maria Aparecida, que estava grávida de oito meses, ainda chegou a ser levado para a maternidade do município de Piracuruca, na tentativa de salvar o feto, que também acabou morrendo por conta dos ferimentos.

O delegado titular de Piracuruca, Hugo de Alcântara, informou que a Polícia ainda não tem informações precisas sobre a quantidade de disparos que foram desferidos contra a jovem durante o assalto.

“Segundo o que a gente ouviu falar, ela teria reagido e o assaltante efetuado disparos. Não sabemos ainda em que parte do fogo e a quantidade. Ela veio a óbito no local, foi socorrida e levada para a maternidade de Piracuruca, na tentativa de salvar o feto, mas este também veio a óbito”, explicou o delegado.

Ainda na noite de ontem, equipes da Polícia Militar e da Polícia Civil iniciaram diligências na tentativa de localizar o autor dos disparos, mas sem sucesso.

Nas próximas horas, testemunhas que presenciaram o crime e familiares da vítima devem prestar depoimento à Polícia Civil, que vai dar continuidade às investigações.

Cidadeverde.com