Deputado Assis Carvalho morre aos 59 anos após sofrer infarto em Oeiras

O deputado federal e presidente estadual do PT, Assis Carvalho, morreu na tarde deste domingo (5) após sofrer um infarto e ser internado na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Oeiras. O parlamentar tinha 59 anos e enfrentava problemas cardíacos.

Segundo apurou o Cidadeverde.com, o parlamentar sofreu cinco paradas cardíacas desde às 15h, quando passou mal.

O deputado estava em seu sítio quando passou mal e teve de ser levado para a unidade de pronto atendimento. A esposa de Assis Carvalho acompanha o deputado.

Em 2012, o parlamentar federal teve um princípio de infarto e em 2019 também teve complicações no coração. Assis Carvalho tem problemas cardíacos e já passou por procedimentos cirúrgicos.

De acordo com a direção do Hospital Regional Deolindo Couto (URDC), a equipe de socorristas ainda tentou estabilizar o deputado para ser transferido para Teresina via SAMU aéreo.

A morte do deputado federal comove a cidade e moradores já começam a se reunir em frente à unidade de saúde.

Assis Carvalho iniciou suas atividades no movimento sindical. No Sindicato dos Bancários ao lado do atual governador Wellington Dias (PT) e Regina Sousa, vice-governadora, atuaram em defesa dos direitos dos trabalhadores dos bancos.

No governo Wellington Dias, Assis foi diretor do Detran, presidente da Agespisa e Secretário Estadual de Saúde. Em 2006 foi eleito deputado estadual pelo PT e em 2010 conseguiu chegar a Câmara Federal. Ele estava no terceiro mandato de deputado federal. Foi presidente do PT e conseguiu se reeleger. Assis é amigo pessoal do governador e um militante histórico do PT.

Velório no sítio

O corpo do deputado Assis Carvalho está sendo velado de forma restrita apenas pelos familiares em seu sítio, que fica a 4km de Oeiras, devido a pandemia do novo coronavírus.

Nesta segunda – às 8h – o corpo irá para a funerária no Centro para despedidas também de familiares. Logo em seguida será sepultado em Oeiras.